Síndrome do ovário policístico

Será que você possui esta condição? Leia este post e veja alguns sinais que esta síndrome apresenta

Síndrome é o nome que damos a um conjunto de sintomas, muito antes dos ultrassons ou das dosagens hormonais. Para confirmar o diagnóstico é preciso a confirmação de pelo menos 2 dos 3 critérios de “Rotterdam”. Os critérios são:

  • A presença do hiperandrogenismo, que é o nome dado ao aumento dos hormônios masculinos. Quando estes hormônios caem na corrente sanguínea, causam oleosidade, aumentando o número de cravos e espinhas, aumentando a quantidade de pelos em regiões masculinas. Nos cabelos também é perceptível o aumento de oleosidade e pode até mesmo ter tendência a queda.
  • O segundo critério é a irregularidade menstrual, mulheres com esta síndrome tendem a menstruar menos, mas por períodos mais longos, algumas podem ficar até meses sem menstruar.
  • O terceiro critério é a presença de microcistos no ultrassom.

Se 2 destes 3 critérios forem preenchidos pela paciente, aí sim damos a confirmação do diagnóstico da síndrome do ovário policístico.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

posts recentes

Hirsutismo

Leia neste post o que é esta doença que causa o aumento da quantidade de pelos no corpo da mulher em locais comuns ao homem.

Entre ou Cadastre-se